TV digital: Lula autoriza viagem de ministros


A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, e os ministros Hélio Costa, das Comunicações, e Celso Amorim, das Relações Exteriores, embarcarão para o Japão no início da próxima semana para visitar empresas do setor eletroeletrônico daquele país e discutir possíveis investimentos industrias no Brasil decorrentes da implantação da TV digital. Segundo a assessoria do Ministério …

A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, e os ministros Hélio Costa, das Comunicações, e Celso Amorim, das Relações Exteriores, embarcarão para o Japão no início da próxima semana para visitar empresas do setor eletroeletrônico daquele país e discutir possíveis investimentos industrias no Brasil decorrentes da implantação da TV digital.

Segundo a assessoria do Ministério das Comunicações, a viagem foi autorizada hoje, 7, pelo presidente Lula, em reunião com os ministros no Palácio do Planalto. O ministro Luiz Fernando Furlan, do Desenvolvimento, se integrará à comitiva porque já viajou para o Japão para tratar de exportação do etanol brasileiro. A comitiva não deverá ir à Coréia como estava previsto.

Matéria publicada hoje pela newsletter Tele.Síntese Análise informa que o relatório do Comitê de Desenvolvimento do Sistema Brasileiro de TV Digital foi concluído e entregue hoje ao presidente Lula. De acordo com a matéria, o relatório afirma que o país deve adotar a faixa de 6 MHz para transmissão de sinais digitais de TV; que o melhor sistema de modulação, como foi reconhecido no relatório do CPqD, é o japonês, por ser o mais flexível, e que o padrão que vier a ser adotado no Brasil tem que incorporar os desenvolvimentos realizados no Brasil, especialmente o middleware e o sistema de compressão MPEG4.

O relatório diz ainda que o padrão a ser escolhido deve permitir alta definição, ao lado da definição standard, e a multiprogramação e que a introdução da TV digital tem que ser aproveitada para a criação de uma cadeia produtiva de microeletrônica no país.

(Da Redação)

Anterior Telefónica vence leilão na Colômbia
Próximos Avaliação positiva para a BrT