TV digital: Costa anuncia nova linha de financiamento para pequenas emissoras.


 Hélio Costa, ministro das Comunicações, anunciou hoje, no 24º Congresso Brasileiro da Radiodifusão que o Japão está alterando as condições de sua linha de financiamento e retirando a exigência de valor mínimo de R$ 10 milhões estabelecida anteriormente para financiar a aquisição, pelos radiodifusores, dos equipamentos da TV digital. O ministro disse ainda que o …

 Hélio Costa, ministro das Comunicações, anunciou hoje, no 24º Congresso Brasileiro da Radiodifusão que o Japão está alterando as condições de sua linha de financiamento e retirando a exigência de valor mínimo de R$ 10 milhões estabelecida anteriormente para financiar a aquisição, pelos radiodifusores, dos equipamentos da TV digital. O ministro disse ainda que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) também está reduzindo a obrigatoriedade de financiamento mínimo de R$ 10 milhões para R$ 5 milhões, para todas as emissoras e, para as emissoras pequenas, do interior, que vão precisar de um aporte menor, o BNDES irá liberar recursos no valor  de até R$ 400 mil.

Quanto à rádio digital, Costa voltou a repetir a informação que havia dado ontem, durante a abertura oficial do evento, de que os detentores da tecnologia norte-americana IBOC já encaminharam documento para a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert) se comprometendo a não cobrar royalties dos radiodifusores brasileiros, caso seja adotada no país.

Segundo o ministro, em, no máximo, quatro meses, o padrão digital das emissoras de rádio a ser adotado no país já estará definido e ele espera que, no próximo ano, a indústria eletroeletrônica já esteja fabricando os novos receptores no país.  

Anterior Finep tem novo presidente
Próximos TV Pública deverá sair em 60 dias por meio de MP