TV analógica de Recife vai sair do ar dia 26


O Gired está reunido hoje, 24, para analisar o resultado da última pesquisa na cidade e ela apontou para 92% de residências com o sinal digital, o que assegura que a data previamente marcada seja mantida.

Controle_remoto_TV

A TV digital na capital pernambucana e municípios do entorno conseguiu, na última semana, atingir o percentual mínimo de 92% das residências e assim poder ser confirmada a data para o desligamento de todos os canais analógicos de Recife na data previamente marcada: dia 26 de julho.

Hoje, o Gired (grupo que conduz a transição da TV analógica) recebeu a última pesquisa do IBOPE sobre o grau de digitalização de Recife e das demais cidades nordestinas onde está previsto o desligamento dos sinais e o resultado foi bem melhor do que os radiodifusores esperavam. Na semana passada comentava-se que o desligamento teria que ser adiado porque as pesquisas prévias não estavam comprovando que se conseguia atingir o número ideal de casas com o sinal digital.

Mas a última  pesquisa confirmou que a digitalização avançou bastante na região,  e o desligamento poderá ocorrer, informaram fontes do Gired.

À medida em que o desligamento do sinal analógico avança para o Nordeste, mais aumentam as entregas do kit conversor gratuitos (maior a população carente) e maior é o número de aparelhos ainda em tubo.

Fortaleza

Conforme a pesquisa, em Fortaleza, por exemplo, das 1,225 milhão de residências que serão afetadas pelo desligamento da TV (na capital e cidades do entorno), em 38% delas a renda é de até um salário-mínimo.

E 61% das casas que têm cadastrados nos programas de Bolsa Família ainda têm aparelhos de TV com tubos, das quais 47% tem TV exclusivamente a tubo.

Anterior Telebras fará road show para o SGDC no dia 27 de julho
Próximos AINMT conclui compra de 30% da Nextel

1 Comment

  1. Richard
    24 de julho de 2017

    Kassab… NEM INVENTA de adiar mais essa cidade: já não chega a idiotice que você fez de mudar o encerramento aqui no interior de SP de setembro pra novembro