Transição para a 4G será lenta


Apesar de o crescimento da comunicação de dados na rede móvel estar apresentando um crescimento exponencial, sobrecarregando a rede de terceira geração em todo o mundo, a migração para a quarta geração será lenta, prevê a consultoria norte-americana In-Stat.

Conforme suas projeções, em 2014, cerca de 70% dos aparelhos celulares comercializados em todo o mundo virão com conexão banda larga, mas apenas 3,6% estarão com o padrão da quarta geração. Isso significa uma quantidade muito perquena de aparelhos, frente à previsão de comercialização de 2,8 bilhões de novos celulares, dos quais 2 bilhões com banda larga embutida.
A consultoria estima ainda que somente os smartphones e os modens para computadores farão a transição para a 4G nos próximos cinco anos, com a tecnologia LTE ocupando 61% do mercado.

“Infelizemente, a transição para a 4G enfrenta grandes desafios, como múltiplos padrões, limitada viabilidade de espectro, contração do modelo de negócios, entre outros”, afirmou Jim McGregor, da consultoria. ( Da redação).

Anterior Google lucra US$ 1,8 bi no trimestre
Próximos Governo quer mudar regras para contratação de software