Transações bancária por celular crescem, em média, 270% ao ano, diz Febraban


Segundo pesquisa da entidade, internet e mobile banking responderam por quase a metade das operações realizadas em 2013 (47%), ante 37% dos canais tradicionais (caixas eletrônicos, contact center e agências bancárias).

Internet e mobile banking responderam por quase a metade das transações realizadas em 2013 (47%), ante 37% dos canais tradicionais (caixas eletrônicos, contact center e agências bancárias), segundo pesquisa da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) de Tecnologia Bancária. Em 2009, a participação desses canais era de 31%, 16 pontos percentuais abaixo em relação à pesquisa com os números do ano passado. Parte importante dessa evolução se deve ao crescimento do mobile banking. O volume de transações nesse canal aumentou, em média, 270% ao ano entre 2009 e 2013, a maior taxa média anual entre todos os meios, subindo de 12 milhões para 2,3 bilhões nesse período.

O estudo, realizado em parceria com a Strategy&, teve a participação de 18 instituições bancárias que operam no Brasil e correspondem a 97% da rede de agências do país. Além disso, o estudo foi complementado por dados de outras associações e órgãos governamentais, inclusive internacionais, a fim de ampliar e aprofundar a análise das informações. De acordo com o levantamento, entre 2009 e 2013, a participação dos smartphones no número total de operações subiu de praticamente zero para 6%. Somente nas transações sem movimentação financeira, como em aplicativos para consulta de saldo, a participação do mobile banking subiu de 4% para 10% entre 2012 e 2013.

Entre 2009 e 2013, o número de contas correntes com mobile banking registrou crescimento médio anual de 134%, atingindo 11,3% da base de contas do ano passado.  O acesso aos serviços bancários pelo computador também segue em crescimento, aponta a pesquisa. O número de contas correntes acessadas pela internet sobe desde 2009 a uma taxa média anual de 19%, alcançando a marca de 41,8 milhões em 2013, o equivalente a 40% do total.

O volume de transações via internet banking também avança a uma taxa anual de 23%, passando de 7,3 bilhões para 16,6 bilhões entre 2009 e 2013. A pesquisa estima que esse crescimento está diretamente ligado à maior difusão do acesso à Internet pelos brasileiros. Enquanto 31% da população do país era usuária da rede em 2007, esse número subiu para 52% em 2013. (Com assessoria de imprensa)

Anterior TV Digital conectada abre boas perspectivas de negócio para empresa inovadora
Próximos Com interatividade, TV Digital deve ganhar apelo em celulares, defende governo