TJRJ firma parceria com a Vivo para ter acesso a banco de dados


A Vivo assinou parceria com o Tribunal de Justiça do Rio para dar acesso a magistrados e servidores previamente indicados a um sistema informatizado da operadora em que poderão acessar endereços das partes, quando se trata de autor ou réu de localização desconhecida. O objetivo é obter mais celeridade e economia aos trabalhos da corte.

Segundo o TJRJ, uma novidade deste convênio em relação aos já firmados pela Justiça com outras empresas é que neste será possível que ordens judiciais relativas à operadora, como as referentes ao cancelamento de linha telefônica e quebra de sigilo telefônico, por exemplo, possam ser cumpridas no próprio site da Vivo.

Entre as empresas com quem o TJRJ já firmou parcerias estão a Ceg, a Light e o Banco do Brasil, além de órgãos como a Junta Comercial do Estado do Rio (Jucerja).(Com assessoria de imprensa)

Anterior São Paulo quer cobrir custos da nova rede WiFi com propaganda, diz secretário
Próximos Cidade inteligente: avanço no país depende de articulação governo-sociedade, diz Ericsson