TIM prepara expansão da banda larga fixa no Nordeste


A TIM pretende ativar sua infraestrutura de banda larga fixa no Nordeste brasileiro ainda este ano. A operadora aposta em ofertas nas áreas em que teria menos competição, e analisa mercados em que haveria menor sobreposição de concorrentes. Atualmente, a rede fixa da tele se concentra no Sudeste.

A intenção é chegar em novas cidades já com ofertas em FTTH. “Não podemos falar a cidade do Nordeste ainda por questão estratégica. Vamos colocar o equipamento junto com as antenas [de telefonia móvel]. Assim que chegamos com fibra para a antena em uma área, podemos expandir o TIM Live”, disse Pietro Labriola, VP de operações (COO) da operadora. Ele participou da conferência dos resultados para o segundo trimestre da companhia, realizada na manhã desta sexta-feira (20).

Em cidades onde a Live TIM já opera com tecnologia FTTC (quando a fibra chega até um ponto no bairro, e deste ponto segue por cabos de cobre até a casa do cliente), a companhia elaborou um plano de transição. Inicialmente, está aplicando tecnologias que elevam a velocidade máximas alcançáveis mantendo-se FTTC. Depois, vai trocar a última milha de cobre por fibra.

A primeira cidade do NE a receber o serviços de FTTH será Salvador (BA). A ativação acontece em 2 de agosto. A empresa planeja, também, seguir com a expansão no Sudeste. Em 7 de agosto liga a rede em Suzano (SP), São Gonçalo e Nilópolis (RJ). Depois, em data a definir, em Mauá (SP). Em todos usará a tecnologia GPon.

Mais receita

“Um elemento importante é que no FTTH temos um ARPU maior. FTTH é future proof por que a velocidade máxima é de 2 Gbps. Então é possível aumentar as ofertas para 100 Mbps, 200 Mbps, 300 Mbps ao longo do tempo”, falou .

O executivo admite que a operadora não trabalha, por enquanto, com a ideia de fazer ofertas convergentes em larga escala. “Não temos uma estratégia convergente. O que temos é perto de 35% da base do Live TIM com ofertas no móvel, e aumentar isso é uma estratégia importante para os próximos meses”, falou.

Anterior Stefano De Angelis deixa comando da TIM Brasil
Próximos TIM negocia compartilhamento de rede com Claro, Vivo e ISPs

2 Comments

  1. Lucas Gama
    21 de julho de 2018

    Apreciaria bastante a chegada da Live TIM em Recife aqui operadoras como Vivo e NET não se mobilizaram para modernização da rede no tocante ao FTTH.

  2. gabriel
    8 de agosto de 2018

    estou esperando chegar em Brasilia, aqui a vivo fibra chegou, mas em poucos lugares. é bem capaz da tim chegar antes da vivo nos lugares que ainda não chegou.