TIM monta rede 4G para atender agroindústria do interior de Goiás


Foto: Projetado pelo Freepik
Foto: Projetado pelo Freepik

A TIM assinou hoje, 5, seu primeiro contrato de projeto para conectar agroindústrias, em iniciativa batizada de “4G TIM no Campo”. O acordo foi firmado com a Jalles Machado, do setor sucroenergético. A TIM vai cobrir a área das fazendas que produzem cana, na cidade de Goianésia (GO).

O projeto vai utilizar LTE. À Jalles Machado serão fornecidos 812 smartphones e 1.006 linhas corporativas. Dos celulares, 650 serão usados para apontamentos no campo, processo atualmente feito manualmente. Também deve agilizar o contato entre trabalhadores em campo com os situados no escritório.

Além disso, os computadores de bordo das máquinas agrícolas passarão a transmitir dados em tempo real em toda a área coberta.

“Estamos trabalhando fortemente para que o conceito de Agricultura 4.0 se torne uma realidade em diversas regiões do nosso país”, explica Paulo Humberto Gouvêa, Diretor de Top Clients Solutions da TIM Brasil.

“Temos colhedoras, tratores e equipamentos com alta tecnologia, mas que nem sempre podemos utilizá-la devido à falta de sinal no campo. A TIM é a primeira operadora a desenvolver um produto específico para atender às necessidades do agronegócio”, afirma Otávio Lage de Siqueira Filho, diretor-presidente da Jalles Machado. (Com assessoria de imprensa)

Anterior AT&T oficializa IPO da DirecTV Latin America
Próximos Oi perdeu caixa em janeiro