TIM lança redes comerciais LTE Advanced no começo de 2016


A TIM promete lançar redes com tecnologia de agregação de portadoras para acelerar a velocidade da conexão móvel de dados, entre o final deste ano e o começo do próximo ano na região da grande São Paulo. A área ainda está em definição, mas deve cobrir municípios da região NF 11 (exceto a capital). Na …

A TIM promete lançar redes com tecnologia de agregação de portadoras para acelerar a velocidade da conexão móvel de dados, entre o final deste ano e o começo do próximo ano na região da grande São Paulo. A área ainda está em definição, mas deve cobrir municípios da região NF 11 (exceto a capital). Na lista das primeiras cidades estão Sorocaba e Jundiaí.

A tecnologia vai ser implantada à medida que a companhia avança no refarm das frequências de 1,8 GHz. A agregação será dual carrier, em tecnologia FDD LTE Advanced. Vai usar, inicialmente, uma banda de 5 MHz dos 1,8 Mhz e outra banda de 5 a 10 Mhz dos 2,6 GHz.

As bandas 4G vão conviver por um tempo com o GSM nas mesmas frequência em função dos serviço de internet das coisas. Atualmente, aproximadamente 85% dos dispositivos IoT, na maioria terminais de pagamentos móveis, estão conectados por tecnologia 2G e 3G na rede da operadora. Por enquanto, apenas os smartphones Galaxy S6, Note 5 e iPhone 6S serão compatíveis com a tecnologia.

Na Futurecom 2015, evento que reúne o mercado de telecomunicações de hoje, 27, a quinta-feira, 29, em São Paulo, a operadora está demonstrando, em parceria com a Qualcomm e a Ericsson a tecnologia que pretende adotar quando o espectro de 700 Mhz estiver disponível, a partir do ano que vem. Em seu stand, mostra o uso de portadoras de 10 MHz na frequência de 700 MHz; 15 Mhz em 1,8 GHz; e 10 MHz em 2,6 GHz. O dispositivo, um protótipo equipado com o chipset 820 da Qualcomm, se conecta a um NodeB da Ericsson. Os picos de download atingem 260 Mbps. “O 4G já é uma realidade na vida de todo mundo. Por isso estamos fazendo o carrier agregation, que é uma tecnologia para já”, diz Rodrigo Abreu, CEO da TIM.

Anterior Claro inicia testes de internet 4,5G em Anápolis
Próximos Patuano, da Telecom Italia, diz que consolidação com Oi, só com mudança no marco regulatório pelo Congresso Nacional