Tim e Oi vão ampliar compartilhamento da rede de 2,5 GHz


O conselho de administração da Tim aprovou ontem (29) um aditivo ao contrato de compartilhamento de equipamentos da rede de 2,5 GHz firmado entre a empresa e a Oi. Pelo acordo, o projeto de LT ran sharing das companhias será ampliado em 2015, contemplando mais 88 cidades. Atualmente, as empresa compartilham infraestrutura 4G em 45 cidades. O compartilhamento da rede 4G entre as operadoras começou em abril de 2013.

O objetivo da iniciativa, cuja regulação está em pauta na Anatel, é acelerar a implementação da banda larga móvel. Em nota, a empresa explica que a meta é cobrir com LTE “52% da população urbana do Brasil” com a rede de quarta geração até o final do próximo ano. As empresas ainda estudam como os investimentos serão realizados nestas localidades.

Abaixo, veja a lista das cidades onde Tim e Oi vão compartilhar a rede em 2015.

Municípios

UF

CAMACARI

BA

ITABUNA

BA

VITORIA DA CONQUISTA

BA

CAUCAIA

CE

JUAZEIRO DO NORTE

CE

MARACANAU

CE

ANAPOLIS

GO

APARECIDA DE GOIANIA

GO

BETIM

MG

DIVINOPOLIS

MG

GOVERNADOR VALADARES

MG

IPATINGA

MG

MONTES CLAROS

MG

RIBEIRAO DAS NEVES

MG

SANTA LUZIA

MG

SETE LAGOAS

MG

UBERABA

MG

VARZEA GRANDE

MT

BELFORD ROXO

RJ

CAMPOS DOS GOYTACAZES

RJ

ITABORAI

RJ

MACAE

RJ

MAGE

RJ

NITEROI

RJ

PETROPOLIS

RJ

SAO JOAO DE MERITI

RJ

VOLTA REDONDA

RJ

CANOAS

RS

CAXIAS DO SUL

RS

GRAVATAI

RS

NOVO HAMBURGO

RS

PELOTAS

RS

SANTA MARIA

RS

SAO LEOPOLDO

RS

VIAMAO

RS

ARARAQUARA

SP

FRANCA

SP

JACAREI

SP

PRESIDENTE PRUDENTE

SP

SAO CARLOS

SP

SAO JOSE DO RIO PRETO

SP

TAUBATE

SP

ARAPIRACA

AL

VILA VELHA

ES

SERRA

ES

CARIACICA

ES

IMPERATRIZ

MA

ANANINDEUA

PA

SANTAREM

PA

MARABA

PA

CAMPINA GRANDE

PB

OLINDA

PE

CARUARU

PE

PAULISTA

PE

PETROLINA

PE

MARINGA

PR

CASCAVEL

PR

PONTA GROSSA

PR

SAO JOSE DOS PINHAIS

PR

FOZ DO IGUACU

PR

COLOMBO

PR

MOSSORO

RN

PARNAMIRIM

RN

BLUMENAU

SC

SAO JOSE

SC

SANTOS

SP

MOGI DAS CRUZES

SP

PIRACICABA

SP

GUARUJA

SP

BARUERI

SP

MAUA

SP

DIADEMA

SP

JUNDIAI

SP

CARAPICUIBA

SP

BAURU

SP

SAO VICENTE

SP

ITAQUAQUECETUBA

SP

LIMEIRA

SP

SUZANO

SP

PRAIA GRANDE

SP

TABOAO DA SERRA

SP

SUMARE

SP

EMBU

SP

MARILIA

SP

AMERICANA

SP

INDAIATUBA

SP

COTIA

SP

ITAPEVI

SP

Anterior Força-tarefa da AGU deu segurança jurídica ao leilão de 700 MHz
Próximos Bernardo diz que leilão foi um sucesso e vai possibilitar a universalização da internet no país