TIM amplia cobertura 3G na capital paulista


A TIM ampliou a cobertura de sua rede 3G na cidade de São Paulo,  na faixa de 900 MHz, autorizada à operadora pela Anatel no início deste ano. A expansão já alcança 50 novos bairros da cidade onde o 3G da empresa não funcionava ou era instável. A melhora da infraestrutura começou em maio. Desde então, foram ativadas mais de 500 antenas.

Outras 200 antenas serão ativadas até dezembro em Barueri, Mauá, Osasco, Guarulhos e na região do ABC paulista. A operadora espera concluir o projeto no primeiro trimestre de 2015, cobrindo toda a área metropolitana de São Paulo, com um total de mais de 1,2 mil antenas. “A ativação de 3G nessa faixa resulta em uma melhora imediata do desempenho da rede com percentual de aumento na velocidade de transferência de dados acima de 40% para download e mais do que o dobro para upload”, diz Marco Di Costanzo, diretor de rede móvel da TIM.

Paralelamente à implantação do projeto da faixa 900 MHz em São Paulo, a TIM também utilizará a solução SON – Self Organizing Networks –, que foi adotada pela operadora no final de 2013 para melhorar o desempenho da rede de forma automática, dinâmica e em tempo real.
Composta por módulos como Automatic Neighbor Relationship (ANR), Mobility Load Balance (MLB) e Self Healing, o SON detecta e corrige problemas na rede automáticamente. O módulo Automatic Neighbor Relationship (ANR) é utilizado para otimizar ligações entre torres e/ou células vizinhas. Já o Mobility Load Balance (MLB) tem por função melhorar a distribuição do tráfego e Self Healing é utilizado para minimizar os efeitos de uma eventual indisponibilidade de sites.

Os bairros que ganharam antenas 3G são: Água Rasa, Alto Pinheiros, Aricanduva, Artur Alvim, Barra Funda, Bela Vista, Belém, Bom Retiro, Brás, Brasilândia, Cachoeirinha, Cambuci, Casa Verde, Cidade Líder, Congonhas, Consolação, Freguesia do Ó, Ipiranga, Itaim Bibi, Itaquera, Jaçanã, Jaguaré, Jardins, Lapa, Liberdade, Limão, Mandaqui, Moema, Mooca, Paraíso, Pari, Paulista, Penha, Perdizes, Perus, Pinheiros, Pirituba, Santa Cecília, Santana, São Lucas, Tatuapé, Tremembé. Tucuruvi, Vila Formosa, Vila Guilherme, Vila Maria, Vila Mariana, Vila Matilde, Vila Medeiros e Vila Prudente. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Rezende afirma que leilão de 700 MHz terá competidor estrangeiro
Próximos GSMA critica cronograma proposto para uso da faixa de 700 MHz na Europa