Tempo do usuário conectado à 4G aumentou 79,3% durante a pandemia, segundo consultoria


A Opensignal divulgou ontem, 14, os dados de uso da 4G no Brasil durante pandemia. Segundo a empresa, a porcentagem de tempo que os usuários de smartphones brasileiros passaram conectados a um sinal de 4G aumentou 7,4 pontos percentuais, com o resultado de 79,3%.

De acordo com a companhia, foi o terceiro maior aumento em termos percentuais (10,2%) na América Latina entre os primeiros trimestres de 2019 e 2020. Na primeira posição está o Equador com 25% e na segunda a Costa Rica com 14,8%.

PUBLICIDADE

As velocidades médias de download no Brasil aumentaram de 2,2 Mbps (17,1%) para 15,3 Mbps, tornando-o o quinto país com mais velocidade de download via 4G da América Latina depois do Uruguai, México, Porto Rico e Argentina.

Na categoria da experiência de vídeo em dispositivos móveis, também houve um aumento significativo, informa a consultoria. A pontuação no país aumentou 11,2 pontos, para 63,2 em 100.

Anterior Satélites querem indenização por ativos, receitas, direitos, migração e limpeza de espectro
Próximos Jornalismo especializado prorroga campanha de apoio até 31 de julho