Temer volta atrás e vai recriar o MinC


O presidente interino Michel Temer cedeu às pressões do setor cultural e decidiu devolver o status de ministério à Cultura. Notícia foi confirma no Twitter pelo atual ministro da Educação e Cultura, Mendonça Filho. Segundo ele, a recriação do MinC acontecerá por medida provisória, a ser publicada na terça-feira, 24. Também amanhã acontece a posse do novo ministro.

“A decisão de recriar o Minc é um gesto do presidente Temer no sentido de serenar os ânimos e focar no objetivo maior: a cultura brasileira”, falou Mendonça Filho, em sua conta na rede social. O novo ministro da Cultura será Marcelo Calero, 33, que anunciado como secretário de cultura do MEC na última quinta-feira. Ele é diplomata e ocupava a secretaria municipal de Cultura do Rio de Janeiro.

Mendonça Filho acrescenta que Calero vai trabalhar em parceria com o Ministério da Educação “para potencializar os projetos e ações entre os ministérios da Educação e da cultura”. A extinção da pasta gerou protestos de artistas e servidores em todo o país. Também mobilizou senadores, que convocaram Mendonça Filho para explicar a extinção, agora revista, do Minc.

Anterior Temer revoga decreto que definia cargos em comissão do Minicom
Próximos Governo exonera comando do Serpro