Telmex terá de pagar equivalente a R$ 490 milhões por falhas em serviço, no México


O Instituto Federal de Telecomunicações (IFT) do México, responsável por fiscalizar e normatizar o setor no país, multou a América Móvil (dona da Claro Brasil) por falhas no serviço de telefonia fixa. O órgão ordenou o pagamento de MXP$ 2,54 bilhões, equivalente a R$ 493 milhões.

A sanção recaiu sobre a subsidiária Telmex, que entre 2011 e 2014 não teria atingido patamares mínimos de qualidade na entrega dos serviços de telefonia. A América Móvil afirma que não concorda com a decisão e que vai recorrer, de todas as formas, e através de todos os meios legais possíveis.

“Esta multa ilegal e desproporcional afeta a segurança jurídica de um setor que depende de grandes investimentos para se desenvolver”, afirmou, em comunicado ao mercado.

Anterior Operadoras prometem contestar PGMU com 4G no TCU e na justiça
Próximos PLC 79 volta à CCT para exame de emendas