Tellabs cresce 18%


A Tellabs registrou no primeiro trimestre de 2006 uma receita de US$ 515 milhões, 18% acima dos US$ 436 milhões obtidos no primeiro trimestre de 2005. Segundo os critérios GAAP (Generally Accepted Accounty Principles), a Tellabs obteve um lucro de US$ 52 milhões, ou 11 centavos por ação, comparativamente a US$ 1 milhão, ou menos …

A Tellabs registrou no primeiro trimestre de 2006 uma receita de US$ 515 milhões, 18% acima dos US$ 436 milhões obtidos no primeiro trimestre de 2005.

Segundo os critérios GAAP (Generally Accepted Accounty Principles), a Tellabs obteve um lucro de US$ 52 milhões, ou 11 centavos por ação, comparativamente a US$ 1 milhão, ou menos de um centavo por ação, no primeiro trimestre do ano anterior.

Com base em critérios não-GAAP, o lucro foi de US$ 65 milhões ou 14 centavos por ação, mais que o dobro dos US$ 26 milhões ou 6 centavos por ação no primeiro trimestre de 2005. Os resultados não-GAAP excluem US$ 11 milhões em despesas relativas a opção de compra de ações e US$ 9 milhões referentes à amortização de bens intangíveis e adiamento de compensação de ações associado a aquisições.

A partir deste balanço do primeiro trimestre de 2006, a Tellabs irá apresentar seus resultados divididos em três segmentos, que refletem o modo como a empresa está operando atualmente:

Banda Larga – A receita proveniente do segmento de banda larga totalizou US$ 260 milhões, 14% acima dos US$ 228 milhões no primeiro trimestre de 2005. Dentro deste segmento, a receita obtida com produtos de acesso somou US$ 164 milhões, 28% acima dos US$ 128 milhões do primeiro trimestre do ano anterior; o resultado em sistemas de acesso gerenciado foi de US$ 74 milhões, 22% abaixo dos US$ 94 milhões de um ano atrás; e a receita dos produtos de comunicação de dados em banda larga mais do que triplicou em um ano, passando de US$ 7 milhões para U$ 22 milhões.

Transporte – As vendas do segmento de transporte totalizaram US$ 214 milhões, 24% acima do resultado de US$ 173 milhões no primeiro trimestre de 2005, devido à demanda dos clientes de comunicação sem fio. O segmento de transporte inclui produtos de transporte e de aprimoramento da qualidade de voz.

Serviços
– O faturamento relativo a serviços foi de US$ 41 milhões, 18% acima dos US$ 34 milhões do primeiro trimestre de 2005.

Recompra de ações
– De acordo com o plano previamente anunciado, durante o primeiro trimestre de 2006 a Tellabs recomprou 8,3 milhões de ações por US$ 118 milhões.

Fonte: assessoria de imprensa, Tellabs

Anterior Anpei pede pressa para a Lei do Bem
Próximos Novos decodificadores Motorola