Telexfree pede recuperação judicial nos EUA


A Telexfree norte-americana e outras duas empresas do grupo apresentaram pedidos de recuperação judicial a Corte do Distrito de Nevada, no último domingo (13). Os pedidos somente serão analisados no final do mês e ainda não se sabe quais os reflexos que trará ao grupo sediado no Brasil, que está com os negócios suspensos desde junho do ano passado por suspeita da prática de pirâmide financeira.

“A Telexfree espera ter dinheiro suficiente para manter os negócios durante sua reorganização e dar continuidade aos serviços aos seus consumidores”, informou o grupo, em nota à imprensa, sem maiores detalhes. “A Telexfree aqui não tem pessoas que vão correr, pessoas que vão sumir. Não, ninguém está fazendo nada errado e a maior prova disso é a empresa ter conseguido a recuperação judicial nos Estados Unidos”, afirmou Carlos Costa, diretor da empresa no Brasil, em vídeo divulgado nesta segunda-feira (14).

No Brasil, o pedido de recuperação judicial da Ympactus Comercial – razão social da Telexfree – não foi aceito. A empresa vende pacotes de telefonia por VoIP para o que chama de “divulgadores”. A suspeita é de que a receita da empresa venha mais da adesão dos “sócios” do que da venda dos pacotes.(Com agências)

PUBLICIDADE
Anterior DirecTV lançará banda larga na Colômbia
Próximos Mercado de música digital deve movimentar US$ 9 bi em 2014