Teles afirmam que minuto do celular no Brasil é oito vezes mais barato que o apontado pela UIT


O SindiTelebrasil, que representa as operadoras de telefonia, afirma, em nota, que o preço médio do minuto do celular no Brasil é de cerca de US$ 0,07 (7 centavos de dólar), o que representa 13% do preço apontado pelo levantamento da União Internacional de Telecomunicações (UIT), divulgado nesta segunda-feira (24).  “A diferença de preços pode ser explicada pela metodologia utilizada pela UIT, que provoca uma distorção nos resultados ao levar em conta os planos homologados pela Anatel, que são uma espécie de preço-teto do minuto da telefonia móvel, e não os valores efetivamente praticados no mercado brasileiro”, sustenta a entidade.

Estudo elaborado pela consultoria Teleco para o sindicato revelou que o minuto do celular no Brasil é o quarto mais barato do mundo, considerando um grupo de 18 países, que concentram 57% dos telefones celulares do mundo. De acordo com esse levantamento, feito diretamente nos sites das prestadoras de cada país, o preço do minuto no Brasil é de US$ 0,07, ficando atrás apenas da China, Índia e Rússia. Esse valor leva em conta dados de tráfego que mais se assemelham ao perfil de uso do celular no Brasil e já inclui os tributos.

O estudo mostra ainda que os tributos têm um peso bastante significativo nos preços da telefonia móvel no Brasil. De acordo com o levantamento, o Brasil tem a maior carga tributária entre os 18 países pesquisados. Os tributos no Brasil representam 43% da receita líquida, quase o dobro do segundo colocado, que é a Argentina (26%) e 14 vezes maior que os da China (3%).(Com assessoria de imprensa)

Anterior Anatel diz que preço médio do minuto do celular é de R$ 0,16
Próximos Samsung deve trocar diretor mundial para smartphones