Telefônica reduz tarifas do Cartão Economia


A Telefônica anunciou redução das tarifas de longa-distância e das chamadas para celular do Cartão da Economia (pré-pago), igualando-as aos valores praticados nas ligações feitas a partir de telefone público.  Com isso, os cliente que usuários das linhas Economia, Controle ou Jovem poderão falar da linha fixa a um custo menor. Segundo nota divulgada pela …

A Telefônica anunciou redução das tarifas de longa-distância e das chamadas para celular do Cartão da Economia (pré-pago), igualando-as aos valores praticados nas ligações feitas a partir de telefone público.  Com isso, os cliente que usuários das linhas Economia, Controle ou Jovem poderão falar da linha fixa a um custo menor.

Segundo nota divulgada pela empresa, haverá redução nas tarifas de longa distância para diferentes destinos e em horários distintos. Em alguns casos, o minuto da ligação ficará quase três vezes menor que o valor praticado até agora. As ligações de longa distância para um telefone fixo, para cidades em um raio de até 100 quilômetros, passam a custar, com o Cartão da Economia, no horário super reduzido (todos os dias da meia-noite às 6h), R$ 0,11 por minuto, contra os R$ 0,41 cobrados antes. No horário reduzido (segunda a sexta, das 6h às 7h e das 21h à meia-noite; aos sábados, das 6h às 7h e das 14h à meia-noite e aos domingos e feriados das 6h à meia-noite) para a mesma distância, a redução foi de 78%, caiu de R$ 0,23 para R$ 0,11.

Segundo a Telefônica, as ligações para celular também ficaram mais baratas. O minuto da chamada local para um celular com o cartão custará R$ 0,81 no horário normal (segunda a sexta, das 7h às 9h, das 12h às 14h e das 18h às 21h; sábados das 7h às 14h), contra os R$ 1,05 cobrados antes. No horário reduzido, a queda no preço foi de 36%, de R$ 0,79 o minuto para os atuais R$ 0,58.

O Cartão da Economia pode ser encontrado, em todo estado, nos valores de R$ 10, R$ 15 e R$ 20.

Da Redação 

Anterior Uol: renda extra para donos de sites.
Próximos Prado assume gerência de negócios da Telesul