Telefônica fará todas as mudanças no prazo da Anatel, afirma Valente.


 O presidente da Telefônica do Brasil, Antonio Carlos Valente, afirmou hoje que a empresa, na Espanha, já deu início a todas as providências necessárias para cumprir o que foi estabelecido ontem pela Anatel, que aprovou o ingresso da operadora espanhola na Telecom Itália, com 28 restrições. Segundo Valente, nesses 30 dias concedidos pela agência brasileira, …

 O presidente da Telefônica do Brasil, Antonio Carlos Valente, afirmou hoje que a empresa, na Espanha, já deu início a todas as providências necessárias para cumprir o que foi estabelecido ontem pela Anatel, que aprovou o ingresso da operadora espanhola na Telecom Itália, com 28 restrições.

Segundo Valente, nesses 30 dias concedidos pela agência brasileira, a Telefónica irá transformar as ações que irá adquirir na Telco – a holding que controlará a Olimpia, que por sua vez controla a Telecom Italia – em ações de classe especial para que fique explicitado que a empresa não terá qualquer ingerência nas operações da Tim Brasil. “ Com essas ações, ficará explicitado que não teremos poder de voto ou de veto na Tim brasileira”, explicou o executivo.

Segundo ele, as 28 restrições estabelecidas pelo órgão regulador brasileiro, que serão todas cumpridas pela Telefónica, deixam claro que a Vivo e a Tim terão gestão absolutamente independentes no Brasil. “A decisão da Anatel só reforça o que falávamos desde o início, de que essa nossa operação tem o foco no mercado europeu”, concluiu ele.

Anterior BrT adia decisão sobre VU-M e 3G
Próximos Governo está disposto a discutir flexibilização da Voz do Brasil