Telefónica e Microsoft firmam parceria estratégica


A Telefónica e a Microsoft anunciaram hoje, 25, no Mobile World Congress, ampliaram o contrato que possuíam. As empresas já eram parceiras na criação do sistema de inteligência Aura, que usa motor cognitivo da Microsoft. Agora, a operadora vai recorrer à plataforma Azure AI para desenvolver serviços futuros. Também vai expandir o escopo de atuação da Aura, que será aplicada a todos os canais de relacionamento com clientes, em mídia social e na web. Também será usada em canais para funcionários e fornecedores.

Com base no sucesso da Aura no controle dos serviços da Telefónica, as duas empresas avaliarão o desenvolvimento da visão da Casa como Computador (HaaC, sigla em inglês para Home as a Computer) da Telefónica para usar os Serviços Cognitivos Microsoft e o Azure IA com outros serviços da Telefónica. Avançando na visão da HaaC, as duas empresas consideram criar um ecossistema de aplicativos Aura Living desenvolvido no Azure, que será executado em todos os dispositivos da Telefónica em casa. Os aplicativos permitirão que os clientes interajam com seus dispositivos para realizar atividades cotidianas.

Patentes compartilhadas

Por fim, as empresas se comprometeram a desenvolver conjuntamente usos para blockchain, 5G e edge computing aplicados às redes do futuro. A colaboração entre as duas empresas acontecerá por meio da criação de uma equipe de trabalho conjunta para explorar os modos como a Inteligência Artificial e a aprendizagem de máquina podem ser aplicadas na otimização de suas redes, na redução de custos e na transformação do setor. O objetivo é criar provas de conceitos para demonstrar como essas soluções podem ser usadas.

Para o resultado desses grupos de trabalho, a Telefónica e a Microsoft implementarão um modelo de propriedade intelectual baseado na Shared Innovation Initiative da Microsoft. Essa iniciativa baseia-se em um conjunto de princípios estabelecidos, à medida que os clientes avançam na transformação de seus negócios, para dar clareza e confiança a respeito da co-criação de tecnologia e propriedade intelectual com a Microsoft.

O acordo entre a Telefónica e a Microsoft é reforçado ainda pelo compromisso compartilhado com a ética e a privacidade dos dados. Ambas as organizações estão comprometidas com o uso responsável e ético dos dados do cliente e com a transparência sobre quais dados estão sendo coletados e como estão sendo usados, em alinhamento com os princípios do Regulamento Geral Europeu sobre a Proteção de Dados. As duas empresas reforçaram ainda mais esse compromisso por meio do treinamento e certificação de especialistas em segurança da ElevenPaths, unidade de segurança cibernética da Telefónica, sobre serviços e tecnologias de segurança cibernética da Microsoft. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Governo quer mudar PLC 79 para carimbar dinheiro das teles para a região Norte
Próximos Serpro abre consulta para compra de plataforma de IA