Telefônica é a pior avaliada na telefonia residencial. Oi, a pior na telefonia empresarial. Embratel, a pior nos orelhões


 

A pesquisa de satisfação do usuário de telefonia fixa, banda larga residencial e telefone de uso público divulgada hoje pela Anatel apurou também o índice de satisfação dos usuários em relação às prestadoras de serviço. E, conforme a pesquisa, o índice geral de satisfação com as empresas de telefonia fixa residencial foi de 58,9%; de telefonia corporativa, de 62,8% e de telefonia pública, de 36,8%.

 

A Telefônica recebeu a nota mais baixa para a satisfação do usuário na telefonia residencial, com 55,4%. A primeira colocada neste quesido foi a GVT, com 67,1%.

 

Já na telefonia empresarial, a pior classificada foi a Oi, com 59% de satisfação e a Sercomtel recebeu a maior nota, com 65,8%. A Embratel, por sua vez, recebeu a pior nota no quesito satisfação do usuário em relação aos orelhões 33,8% e a Sercomtel (que opera em Londrina, no Paraná) a maior nota: 49,5%.

PUBLICIDADE
Anterior Brasileiro está satisfeito com telefonia fixa, mas muito descontente com o orelhão.
Próximos Subprocurador envia carta a Paulo Bernardo defendendo revisão do marco regulatório das telecomunicações