Telefónica Brasil: receita de € 3,6 bilhões no 1S07


No primeiro semestre deste ano a Telefónica Latinoamerica registrou, no Brasil, receita de € 3,69 bilhões, crescimento de 3,6%, em moeda local, na comparação com igual intervalo de 2006. O EBTIDA (lucro antes de impostos, juros, depreciação e amortização) alcançou € 1,43 bilhão, crescimento em reais de 1,2% em relação ao 1S06, atribuído, segundo balanço …

No primeiro semestre deste ano a Telefónica Latinoamerica registrou, no Brasil, receita de € 3,69 bilhões, crescimento de 3,6%, em moeda local, na comparação com igual intervalo de 2006. O EBTIDA (lucro antes de impostos, juros, depreciação e amortização) alcançou € 1,43 bilhão, crescimento em reais de 1,2% em relação ao 1S06, atribuído, segundo balanço divulgado hoje, 30 de julho, “à significativa melhora dos resultados da Vivo”.

A receita líquida total do grupo Telefónica em todos os países em que atual na América Latina (AL) ficou em  € 9,62 bilhões, aumento de 10,6% em relação ao primeiro semestre do ano passado, quando obteve € 8,70 bilhões. O resultado operacional do grupo na região ficou em € 1,68 bilhão, contra € 1,17 apurados  no 1S06, variação de 43,7% no período. Os investimentos na AL neste primeiro semestre somaram € 1,13 bilhão, cifra 32,5% maior que os € 853 milhões registrados no mesmo período do 2006.

O Brasil responde por 38,3% da receita do grupo na AL, seguido de longe pela Venezuela, com 11,7% e pela Argentina, com 11,6%. O país também é responsável pela maior parcela do resultado operacional antes de amortizações (OIBDA) do grupo na região, com 44%, mais que o triplo da Venezuela, segundo colocado com 13,8% e da Argentina, com 11,6%. No encerramento do 1S07 o grupo Telefónica obteve 121,8 milhões de acessos, avanço de 13,9% que no mesmo período do ano passado, devido, segundo a companhia, ao crescimento registrado na telefonia celular (18,9% no mesmo período), e a incorporação da Telefónica Telecom, que conta com 2,3 milhões de acessos em telefonia fixa. (Da Redação)

Anterior Edital de licitação das freqüências de celular deve ser publicado amanhã
Próximos Adiada a decisão sobre o trunking