Telefônica Brasil quer eleger executivos sem ações da empresa para o board


A Telefônica Brasil realiza em 8 de julho uma assembleia geral extraordinária de acionistas. A pauta será votar a mudança do seu estatuto social, passando a permitir a eleição de executivos sem ações da companhia para o conselho de administração.

Conforme a empresa, a exigência constava do estatuto em função de existir também na Lei das S.A. do Brasil  (Lei nº 6.404/76). A lei, no entanto, foi alterada em 2011 (a Lei 12.431/11), deixando de exigir que os conselhos de administração das empresas abertas de sociedade anônimo sejam compostos apenas por acionistas. Poderão votar acionistas que tiverem papeis da empresa pelo menos 72 horas antes da assembleia.

Anterior Idec e Proteste defendem intervenção da Anatel na Oi
Próximos PF prende ex-ministro das Comunicações Paulo Bernardo