Telefonia móvel: 1,4 bilhão de novos assinantes até 2010


Entre 2006 e 2010, operadoras adicionarão 1,4 bilhão de assinantes no mundo todo, aumentando a penetração móvel de 44% para 63% no período. As economias emergentes irão contribuir com 87% destes novos usuários, aponta a recente pesquisa da Pyramid Research, entitulada O Próximo Bilhão: Como os mercados emergentes estão formatando a indústria móvel. O estudo …

Entre 2006 e 2010, operadoras adicionarão 1,4 bilhão de assinantes no mundo todo, aumentando a penetração móvel de 44% para 63% no período. As economias emergentes irão contribuir com 87% destes novos usuários, aponta a recente pesquisa da Pyramid Research, entitulada O Próximo Bilhão: Como os mercados emergentes estão formatando a indústria móvel. O estudo destaca que operadoras, fabricantes de equipamentos e distribuidores, por meio de inovações, podem ter operações rentáveis servindo a usuários cujos rendimentos diários somam entre três e cinco dólares.

Até 2010, segundo a pesquisa, 74% dos assinantes de telefonia móvel viverão em economias emergentes, mas estes, no entanto, contribuirão com apenas 40% do total de receitas globais geradas nos próximos 4 anos. A Pyramid avalia que, se focarem em produtividade, as operadoras que atuarem nesses mercados poderão obter grandes períodos de lucratividade.

Isso porque a busca das operadoras por rentabilidade com usuários de baixa ARPU (receita média por usuário, em inglês) está pressionando os fabricantes de equipamentos e distribuidores de aparelhos a produzirem terminais de baixo custo com performance mais alta. Os fabricantes e provedores de serviços estão respondendo com redes mais baratas e, para os aparelhos, inovações que não sacrificam a performance ou mesmo o estilo dos terminais mais baratos. (Da Redação, com noticiário internacional)

Anterior Isenção fiscal na TV digital terá contrapartida em P&D
Próximos Semicondutores e displays vão investir 5% do faturamento em P&D