Telefone já está presente em 91,2% dos domicílios, mostra PNAD 2012.


O número de domicílios com serviço de telefonia chegou a 91,2% em 2012, número 4,1% maior que no ano anterior (89,9%). Foram mais 2,2 milhões de novos domicílios com acesso a esse serviço , sendo 1,9 milhão com apenas telefone fixo (3%), número 12,5% inferior ao de 2011 (2,1milhões). É o que mostra a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) 2012, divulgada nesta sexta-feira (27) pelo IBGE.

 

O número de domicílios em que pelo menos um morador possuía telefone móvel celular para uso pessoal aumentou em 1,8 milhão de unidades, de 2011 para 2012, passando para 51,4% ante 49,7% do ano anterior. O número de casas que tem celular e telefone fixo ficou praticamente estável, com 36,7% e 36,9% entre 2011 e 2012.

Em 2012, 122,7 milhões de pessoas com 10 anos ou mais de idade possuíam telefone móvel celular para uso pessoal, um crescimento de 6,3% em relação a 2011 (7,2 milhões de pessoas). Em 2011, essa população era de 115,4 milhões.

 

As regiões Norte e Nordeste permaneceram as únicas em que menos de 70% da população de 10 anos ou mais tinha celular, embora tenham apresentado as maiores elevações nas proporções de usuários (ambas de 4,1 pontos percentuais). A região com o maior percentual de usuários foi a Centro-Oeste, com 81,6%.(Da redação).

 

Anterior Número de internautas no Brasil sobe 6,8% entre 2011 e 2012, diz IBGE.
Próximos Redes ópticas se espalham pelo Brasil afora