Telecom Italia tenta mudar planos de separação da rede fixa


Luigi Gubitosi, CEO da Telecom Italia, dona da TIM Brasil, pediu ao regulador italiano para adiar a revisão do plano de separação de suas redes fixas. A companhia quer mais prazo para modificar a proposta inicial, que previa a criação de uma empresa para administrar a rede fixa de acesso, e a manutenção da TIM com os ativos móveis e de transporte.

Segundo a agência de notícias Reuters, o executivo estaria negociando com a rival Open Fiber uma combinação das redes fixas de ambas as empresas. Tal operação já teria aval do governo italiano.

Desde que foi anunciada a separação estrutural da rede fixa, as disputas internas na Telecom Italia ganharam nova escala. O fundo norte-americano Elliott aprofundou suas apostas na companhia e passou a defender a venda de ao menor parte da nova empresa. Já o maior acionista individual do grupo, a companhia francesa Vivendi, sempre se opôs, defendendo a permanência de 100% do controle nas mãos da TIM – proposta, no entanto, já rechaçada pelo regulador local.

Anterior Governo chinês investiga contratos de licenciamento da Ericsson
Próximos Conselho europeu aprova novas regras de copyright