Telecom Italia convoca assembleia de acionistas para 29 de março


Confirmando o clima de forte disputa entre o sócio francês Vivendi, e o fundo Elliot, a convocação admite que “é provável que haja um confronto substancial sobre qual deve ser o futuro industrial da Companhia e sobre as pessoas a quem sua gestão deve ser confiada”

O conselho de Administração da Telecom Italia aprovou hoje, 14, por  maioria de votos, a convocação de assembleia de acionistas para o dia 29 de março. A reunião, que havia sido pedida pela francesa Vivendi, que perdeu o controle da operadora italiana para o fundo Elliot com a consequente queda do brasileiro Amos Genish da presidência, terá uma pauta bem extensa.

Conforme prevê a própria convocação da assembleia, é provável que “haja um confronto substancial sobre qual deve ser o futuro industrial da Companhia e sobre as pessoas a quem sua gestão deve ser confiada”.

A Vivendi havia pedido a convocação da assembleia para mudar a composição do Conselho de Administração, com a substituição de 5 membros do conselho, indicados pelo Elliot. Quer também que seja eleito um novo auditor fiscal externo.

Além desses dois itens, o conselho controlado desde maio do ano passado pelo fundo Elliot, quer também que a assembleia de acionistas discuta e aprove o plano estratégico, os testes de validade financeira e oi balanço de 2018.

Nesse embate poderá estar o destino da  TIM Brasil. Comenta-se no mercado que, enquanto o grupo francês, que detém 25% da Telecom Italia, gostaria de fortalecer as operações brasileiras, o fundo Elliot prefere fazer caixa rapidamente, o que poderia implicar até mesmo a venda dos ativos brasileiros, os únicos fora da Europa ainda sob o controle da operadora italiana.

O conselho informou ainda que a distribuição de dividendos não será apresentada  para a aprovação nesta assembleia, tendo em vista que as demonstrações contáveis de 2018 não estão prontas até agora.

O comunicado lista  as principais datas dos controladores para este ano:

21 de fevereiro – reunião do Conselho de Administração para aprovação as demonstrações financeiras de 2018 e as projeções 2019

29 de março – assembleia para aprovação dos números de 2018

20 de  maio – reunião do Conselho de Administração para aprovação do resultado do primeiro trimestre de 2019

1 de Agosto – reunião do Conselho de Administração para aprovação do resultado do segundo trimestre de 2019

7 de novembro – reunião do Conselho de Administração para a aprovação do resultado do terceiro trimestre de 2019

Anterior No Ceará, lei impede o bloqueio da internet móvel ao fim da franquia
Próximos Mercado de celulares encolheu 7% no 3º tri