Telebras usará rede da Eletrosul para atender cidades-sede da Copa


A Telebras fechou um acordo com a Eletrosul. A rede da companhia será usada para transmissão simultânea em alta definição, via TV e internet, de todos os jogos da Copa do Mundo de 2014 disputados nas cidades-sede de Porto Alegre (RS) e Curitiba (PR). Em parceria com a Telebras, a empresa está concluindo a ampliação de 80 gigabits por segundo (Gbps) para 1.600 Gpbs de seu sistema de comunicação óptica de alta velocidade (DWDM), conforme os requisitos de qualidade estabelecidos pela Federação Internacional de Futebol (Fifa).

A expansão da infraestrutura da Eletrosul e da Telebras envolve a instalação de equipamentos em 20 subestações da empresa. O sistema DWDM que atenderá ao mundial vai abranger 1,6 mil quilômetros de cabos ópticos que atravessam municípios como Porto Alegre, Caxias do Sul, Gravataí, São Francisco de Paula e Nova Santa Rita, no Rio Grande do Sul; Florianópolis, Tubarão, Capivari de Baixo, Palhoça, São José, Biguaçu, Itajaí, Blumenau e Joinville, em Santa Catarina; Curitiba, Ivaiporã, São Mateus do Sul, Pinhão, Manoel Ribas e Londrina, no Paraná; e as cidades paulistas de Assis, Bauru e Araraquara.

A parceria entre Eletrosul e Telebras está prevista em contrato técnico-operacional e comercial firmado em agosto de 2013, que contempla, inclusive, ações para implantação do Plano Nacional de Banda Larga (PNBL).

PUBLICIDADE

A rede própria e de swap de telecom da Eletrosul – backbone – possui 10,2 mil quilômetros de fibras ópticas em cabos OPGW (para-raios nas linhas de transmissão), ADSS (cabo óptico auto-sustentado) e dielétricos.

Anterior Vivo ainda estuda melhor forma de cobrar por acesso patrocinado
Próximos Relator do Marco Civil afirma que acordo com teles não sofrerá mudanças. Votação é confirmada para próxima terça.