Telebras incentiva pequenos operadores a oferecer triple play


A Telebras está buscando meios para estruturar novos serviços, via parceiros, para que os provedores de internet e as operadoras de TV a cabo possam prover serviços triple play. “O nosso foco é o transporte, mas o usuário quer voz, TV e internet e quer comprar tudo de uma única empresa. Por isso, estamos avaliando como criar parcerias para viabilizar o triple play”, disse Rogério Boros, diretor comercial da Telebras, que participou nesta tarde de um painel sobre custos e desafios da banda larga, no Congresso da ABTA, que se realiza em São Paulo.

 “Existem 1.576 provedores de acesso à internet e pequenas empresas de TV a cabo que podem trabalhar com triple play e a Telebras pode ser um grande parceiro”, comentou Boros. O executivo destacou que a ampliação do leque de serviços é importante para a sobrevivência desses pequenos provedores, que precisam também de links com qualidade e preço. “Um pequeno operador pode fazer parcerias com outros, que estejam conectados com a rede da Telebrás”, sugeriu.

O plano da Telebrás é que sua rede chegue a 4.283 municípios, e atenda 85% da população com acesso ao PNBL. O incentivo ao triple play foi bem recebido pelos representantes das pequenas empresas de TV a cabo e dos provedores de acesso que participaram do mesmo debate. “Muitos provedores de internet já investiram em redes de fibra ótica ou de cabo nas cidades em que operam e estão prontos para atuar também no mercado de TV a cabo, basta apenas que a Anatel libere as licenças”, afirmou Erich Rodrigues, vice-presidente da Abrint, associação de provedores. A entidade reivindica também a liberação de numeração para as empresas de SCM, para que possam oferecer o serviço de voz, via IP.

O diretor geral da Net Angra, Roger Karman, disse que só o anúncio da reativação da Telebras resultou numa redução do preço do link em Angra dos Reis, RJ, onde sua empresa opera, e que é possível manter uma empresa de TV a cabo em cidades com menos de 100 mil habitantes. “Com um modelo econômico viável, há vários caminhos para o triple play em cidades pequenas”, afirmou. Já Alberto Umhof, diretor geral da empresa Boa Vista TV a Cabo, disse que a plataforma do cabo comporta a entrega de streaming de vídeo e da banda larga. “E, se tivessemos acesso  a numeração poderíamos também fornecer voz imediatamente”, acrescentou.
 

Anterior Asga implanta enlace de rádios de 160 km
Próximos Marcos Amazonas é novo presidente do conselho da NeoTV