Telebras e Angola Cables assinam acordo para construção de cabo submarino


A Telebras assinou, nesta sexta-feira (23), com a Angola Cables um acordo para implementar um cabo submarino de 6 mil km ligando Fortaleza a Luanda, em Angola. O edital de licitação internacional para escolher a empresa responsável pelo projeto deve ser aberto em junho deste ano e a construção do cabo deve levar em torno de 18 meses.

Segundo o presidente da Telebrás, Caio Bonilha, o objetivo é que o cabo submarino comece a operar no primeiro semestre de 2014, já com o objetivo de melhorar o tráfego de informações durante a Copa do Mundo.

A estatal estima que o novo cabo reduzirá em cerca de 80% os custos com a saída de internet do Brasil e demais países da América do Sul para Ásia e África. Dessa forma, tráfego de dados entre esses países deixará de passar, obrigatoriamente, pela Europa e pelos Estados Unidos, como ocorre atualmente.

O valor do investimento na obra ainda não foi anunciado. “Vamos fazer uma licitação internacional e a partir daí teremos os valores”, disse Bonilha. O orçamento total da Telebras para três cabos submarinos neste ano é de R$119 milhões, informou Bonilha. (Da redação)

Anterior Embratel recebe multa de R$ 1,3 milhão
Próximos América Movil, dona da Claro, é a mais lucrativa das Américas