Tecnologia F-Cell do Bell Labs revoluciona instalação de small cell


drone-NokiaA nova tecnologia F-Cell do Nokia Bell Labs anunciada hoje (3) desenha uma nova arquitetura para suportar o que estão chamando uma rede de “verdadeiramente” wireless, removendo a energia e o backhaul cabeados hoje necessários para a instalação de uma small cell. Com isso economiza-se tempo e dinheiro.

Segundo o anúncio, a F-Cell, considerada um ponte de inflexão na tecnologia de small cell, traz grande flexibilidade, eficiência e otimiza instalações econômicas para a criação de redes de alta capacidade e baixa latência. A instalação de uma F-Cell por um drone foi recentemente demonstrada em Sunnyvale, na Califórnia. “A antena”, relata o anúncio, “auto-energizada, auto-configurada e auto-conectada à rede, instantaneamente começou a transmitir um vídeo em alta definição”.

A F-Cell é uma re-imaginação da arquitetura de rede para colocar elementos-chave funcionais em locais ideais. A arquitetura de células F é composta por um circuito fechado, com antena em sistema MIMO colocado em um local centralizado, que é utilizado para formar oito feixes para energizar (com energia solar) oito F-Cells, cada um das quais foi redesenhado para exigir energia mínima de processamento de modo a que o painel solar não é maior do que a própria célula. Desta forma, a tecnologia F-Cell resolve de forma sustentável a small cell hoje, com cabeamento de backhaul, desafios de implantação e gastos para os prestadores de serviços e empresas.

A arquitetura suporta non-line-of-sight wireless em FDD ou TDD, e a operação paralela de até oito canais individuais de 20 MHz que permite uma taxa de transferência do sistema de ~ 1 Gbit/s sobre redes LTE existentes. No futuro, essa arquitetura será ampliada para permitir até dezenas de Gbit/s usando maior largura de banda espectral, novas bandas espectrais e um número maior arranjos de antenas.

“F-Cell é um avanço fundamental na tecnologia altamente escalável e maciçamente implementável que permitirá redes para oferecer uma capacidade aparentemente infinita, com latência imperceptível e conectividade para trilhões de coisas”, disse Marcus Weldon, presidente da Nokia Bell Labs e Nokia CTO.

Em reconhecimento ao avanço da arquitetura e características de sua tecnologia, a F-Cell ganhou o Prêmio Tecnologia Emergente CTIA (E-Tech) 2016 de produtos e serviços móveis de ponta “Transformando Wide Area Networks (5G, 4G e LTE 4.5)”. (Assessoria de Imprensa)

Anterior Provedores se preparam para oferecer multicloud aos clientes, em parcerias
Próximos "Não há hipótese de redução de imposto em telecom", avisa Kassab