TCU arquiva denúncia contra venda de posição orbital brasileira


(Crédito: Shutterstock Elenarts)
(Crédito: Shutterstock Elenarts)

O Tribunal de Contas da União (TCU) arquivou ontem, 10, denúncia contra o edital de licitação da Anatel de 2015, que vendeu quatro posições orbitais brasileiras. Conforme o tribunal,não foi constatado nada no procedimento licitatório que ferisse as regras do regimento interno do fórum.

Ganharam aquela licitação a canadense Telesat, que ficou com duas posições orbitais, a espanhola Hispamar, e a árabe Yahsat. A Anatel arrecadou R$ 183,7 milhões, ágio médio de 69,5% por posição orbital.

Anterior Brasil terá que mudar radicalmente política industrial da Lei de Informática, sugere Itamaraty
Próximos Verizon fica com a Straight Path