Tarifa celular mais alta do Brasil é também a mais cara de AL e Espanha


A desenvolvedora espanhola de aplicativos Cumberland divulgou levantamento em que aponta o Brasil como país da América Latina onde as tarifas de telefonia celular alcançam os valores mais altos. O relatório analisou 118 planos oferecidos por 8 operadoras móveis no país, e comparou oito mercados – Espanha, Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, México e Peru. Mostra que, aqui, o valor do minuto chega a US$ 0,75. Em segundo lugar vem a Argentina, onde o minuto alcança US$ 0,49.

Os valores não são, porém, médias dos preços praticados. Mostram apenas o máximo e o mínimo oferecido em cada local. Na lista dos oito países de tarifas mais baixas oferecidas, o Brasil fica em quarto lugar, com preço mínimo de US$ 0,05 o minuto. Atrás de Espanha – onde há planos com minuto gratuito sob contratação de outros serviços -, México e Colômbia.

Foram usados dados do app WePlan, que sugere mudanças nos planos conforme o uso de smartphone dos usuários, lançados hoje no Brasil. O levantamento mostra que 94,2% dos brasileiros conseguiriam economizar se trocassem de planos. O Brasil também tem menos operadoras de telefonia móvel que Espanha (35), Colômbia (9), Chile (9), e México (10), apesar de ter cerca de quatro vezes o número de assinantes da Espanha ou o dobro do México. Na conta entram também as MVNOs.

Em se tratando de consumo de dados, o MB mais caro registrado está no Equador, onde atinge US$ 1. O Brasil fica em quarto lugar, com preço de US$ 0,26, atrás de Espanha e Argentina.  O MB mais barato é encontrado no Chile e na Colômbia (US$ 0,01). O Brasil é o penúltimo (US$ 0,08), perdendo apenas para a Argentina (US$ 0,12).  O levantamento mostra que os brasileiros chegam a pagar até R$ 1 mil mensais em planos de smartphones, o mais alto pesquisado. Na Argentina, o preço máximo do pacote equivale a R$ 123.

Anterior Acordo HBO Apple TV: o início do fim da TV paga tradicional?
Próximos Oi avalia oportunidades, mas nega entrada de novo sócio via PT

1 Comment

  1. Sonia
    11 de Março de 2015

    Eu apenas uso o download Weplan, excelente app!