Notícias com o tag

telefonia móvel


Grandes operadoras terão de baratear uso de dutos em 4.800 municípios

Leia Mais

Entre eles, a Telefônica aponta que a Claro passará a ter uma quantidade mais incrementada de espectro, criando distorções sobre a dinâmica competitiva do mercado de telefonia móvel de SP e RJ.

Na avaliação da Oi, as consolidações de empresas representam movimentos naturais de mercado. E, no caso da fusão Claro e Nextel, a operadora argumenta que essa compra se justifica, tendo em vista que, com mais espectro, a Claro poderá ampliar sua oferta de serviços e se posicionar melhor frente à 5G, que demandará vultosos investimentos.

A decisão da Anatel abre um novo mercado para os provedores de pequeno porte com 45 oportunidades, a partir de segunda-feira, no Sistema de Negociação de Ofertas de Atacado. “Não se trata de tabelamento de preços”, destacou o presidente da Anatel, Leonardo de Morais.

Levantamento da OpenSignal indica que a experiência de vídeo no celular na capital gaúcha supera a obtida em São Paulo, Belo Horizonte, Salvador e Rio de Janeiro.

Atualmente, são 228,8 milhões de aparelhos no mercado. Estimativa é da consultoria Ovum. LTE ainda será tecnologia dominante, com 82% dos acessos.

A Telefônica alega que o Plano de Metas de Universalização não pode obrigá-la a desviar recursos da concessão de telefonia fixa para instalar redes de telefonia móvel, que é um serviço privado. A operadora teme que essa obrigação acabe transformando a telefonia móvel em reversível à União. O atual governo quer a palavra final da AGU sobre esse debate, mas entende que o decreto é legal.

O presidente da agência, Leonardo Morais, disse que pretende seguir o modelo de “filé com osso” no leilão de março. E alertou sobre o risco que as concessões de telefonia trazem para a União

As vendas iniciais do último lançamento da Samsung estão 50% maiores à versão anterior, o GalaxyS9

Para se tornar mais competitiva, a empresa incluiu chamadas ilimitadas para qualquer operadora nos planos de R$ 40, R$ 60 e R$ 90 mensais.

Dois de cada três clientes de banda larga fixa ligaram para reclamar do serviço no último ano. Um número muito elevado, aponta a Anatel