Notícias com o tag

Telco


Na semana passada, Telefónica e a seguradora Generali também já haviam liquidado suas parcelas.

O banco deve vender 1,6% das ações da Telco, holding que será desfeita com a saída da Telefónica. Ele possui 7,34% da ações desta empresa na Telecom Italia.

De acordo com a Bloomberg, Sol Trujillo tenta levantar R$ 9,6 bilhões com investidores e fundos soberanos árabes.

De acordo com ele, a companhia, porém, não vinculou essa emissão ao cumprimento das determinações feitas pelo conselho, no fim do ano passado.

O conselho de administração da Telco – holding que controla a Telecom Italia, decidiu ontem dissolver a empresa, criada em 2007 pela espanhola Telefónica e os bancos e seguradora italianos Intesa Sanpaolo, Mediobanca e Generali. Conforme o comunicado da empresa, a decisão “foi aprovada por unanimidade” e será submetida à aprovação da assembleia geral marcada para 9 de julho. Depois de referendada pela assembleia, os controladores precisam ainda da aprovação da operação pelas agências reguladoras da Itália, Argentina e do Brasil – Cade (agência antitruste) e Anatel.

A decisão órgão antitruste tratou apenas da multa aplicada contra a Telefônica, mas o mercado entendeu que poderia abrir a porta para mudanças no mercado de telefonia móvel brasileiro.

Objetivo é que nenhum executivo da Telefónica faça parte do conselho, de forma a tentar contornar a situação no Brasil, onde Vivo e TIM concorrem no mercado local, e a decisão do Cade.