Notícias com o tag

propriedade cruzada na TV paga


O presidente da Claro Brasil, José Félix, concorda com mudança na Lei do SeAC para atender à AT&T, mas não aceita que a competição não seja isonômica. Para ele, seja Fox, HBO ou Globo, se essas empresas quiserem cobrar assinatura de TV, seja na internet ou no satélite, terão que pedir licença de SeAC. E acha que se não prevalecer a isonomia, o mercado de audiovisual estará absolutamente internacionalizado em três anos.

O vice-presidente institucional da Claro, Fábio Andrade, reclamou que a Abert, esteja defendendo a “ilegalidade” ao se manifestar favorável à transmissão de canal linear de TV pela internet, sem cumprir as regras da lei atual.