Notícias com o tag

ect


Ministro afirma que Tesouro Nacional não irá socorrer a estatal, que acumula prejuízos.

O presidente dos Correios, Guilherme Campos , afirma que a privatização da empresa nunca foi cogitada por ele ou pelo ministro Kassab ou pelo governo. Mas a sua recuperação, defende, depende da redução dos custos do monopólio, que para ele, o mais grave continua a ser o plano de saúde dos empregados, que consome R$ 1,8 bilhão por ano. Espera que o TST julgue a demanda ainda em março.

Gilberto Kassab ainda defende saída para o futuro da empresa, mas descarta qualquer movimento nesta gestão. Empresa encerrou 2017 com prejuízo de R$ 1 bilhão, segundo o ministro.

O plano de saúde, com custo anual de R$ 1,9 bilhão e o PDI foram os vilões apontados pelo presidente da empresa para os prejuízos que ainda serão conhecidos.

Segundo Guilherme Campos, a nova empresa vai gerar economia de R$ 200 milhões ao ano para a empresa, queda de 35% dos custos atuais.

O novo reajuste autorizado pelo Ministério da Fazenda vai acontecer em duas parcelas

A Previc decretou ontem a intervenção no fundo de pensão dos funcionários dos Correios e afastou diretores e conselheiros

Conforme Gilberto Kassab, a empresa deverá ter tratamento diferenciado.

Para um orçamento de investimento de R$ 606 milhões autorizado, a Telebras investiu até agora apenas R$ 103,8 milhões.

O presidente dos Correios, Guilherme Campos, já negocia com os principais fabricantes de aparelhos para vender os celulares em todas as agências da empresa. E em seu plano de reestruturação, para acabar com o prejuízo de mais de R$ 2 bilhões ainda neste ano, pretende reposicionar a empresa para o competitivo mercado de encomendas.