Notícias com o tag

desoneração folha de pagamento


Pelo projeto aprovado, poderão continuar recolhendo a contribuição social com base na receita bruta apenas empresas de alguns segmentos econômicos, entre eles de TIC, de call center e radiodifusão

Ele propõe que os 70 setores – que inclui as empesas de TIC e de call center, que perderiam os benefícios- mantenham a desoneração da folha de pagamento até janeiro de 2018.

As empresas de call center, maiores ofertantes do primeiro emprego no país, e as empresas de Teconologia da Informação voltam a pagar a alíquota de 20% do INSS, enquanto as emissoras de TV e rádio manterão alíquota de 1%

No debate sobre o projeto, o presidente do Senado e outros senadores do PMDB têm defendido a manutenção da economia do governo de R$ 10 bilhões por ano, mas dar tratamento igual para todos os setores. No projeto aprovado na Câmara, cinco setores receberam tratamento diferenciado (comunicação social, transportes, call center, itens da cesta básica e calçados). Se o projeto voltar mesmo para a Câmara, o aumento da arrecadação do governo só poderá ocorrer em 2016, mais uma derrota da presidenta Dilma Rousseff.

A votação continua hoje, 25, mas as empresas desses dois ramos terão elevação da alíquota na receita bruta de 2% para 3% no caso do call center e de 1% para 1,5% no caso das empresas jornalísticas. Para as demais empresas, o aumento é de 1,0% para 2,5% e de 2% para 4,5%. As empresas de software e TICs ficaram incluídas na regra geral e terão alíquota de 4,5%.

O presidente da entidade, Jorge Sukarie, acha que aumento da alíquota do imposto de 2% para 4,5% não será aprovado pelo Legislativo.