Notícias com o tag

angola cables


A previsão para início das operações do cabo está mantida para o primeiro semestre desse ano.

A partir de 2018, com a inauguração do cabo SACS, que liga Angola ao Ceará, e do data center, localizado em Fortaleza, ambos, previstos para o primeiro semestre, o Brasil passa a ser prioridade para a operadora de cabo submarino, tanto quanto o continente africano. É o que revela, nesta entrevista, seu CEO, António Nunes.

Memorando prevê também a realização de pesquisas conjuntas.

Acordo entre as duas empresas visa oferecer acesso seguro entre organizações baseadas na África e as 42 regiões Microsoft Azure espalhadas pelo mundo

Com quase um Terabit por segundo de sua capacidade no cabo submarino Monet já comercializada ou comprometida com futuros clientes, a Angola Cables, sócia do empreendimento que interconecta Miami, nos Estados Unidos, a Santos, em São Paulo, lança oficialmente amanhã sua operação comercial no Brasil, durante o Futurecom 2017.  De acordo com Artur Mendes, diretor …

Entre este mês e 2019, oito novos cabos submarinos vão entrar em operação conectando o Brasil aos demais continentes. Hoje, existem seis cabos em funcionamento.

Embarcação responsável por instalar o cabo SACS no leito do Oceano Atlântico

Contruído pela NEC, no Japão, o cabo submarino de fibra óptica da Angola Cables será o primeiro a cruzar o oceano pelo Atlântico Sul

António Nunes, CEO da Angola Cables, durante o evento de lançamento da pedra fundamental do data center

Estrutura será ponto de troca de tráfego entre os cabos da submarinos da empresa, que ligarão Brasil a Estados Unidos e África.

Os softwares de gerenciamento da Ciena foram contratados pela Angola Cables que, no segundo semestre de 2017, começa a operar o cabo submarino Monet, que liga Estados Unidos ao Brasil.