Notícias com o tag

amos genish


No ano que vem, a operadora deverá manter o mesmo volume de investimentos de 2015, ao redor de R$ 8,5 bilhões.

O Vivo Easy vai permitir ao usuário fazer tudo por meio da tela de seu celular: postergar créditos, fazer upgrade ou downgrade do plano, saber o seu saldo no caso de pré-pago. Tudo isso sem ter que ligar para o call center e falar com atendente.

“Não acredito que os modelos tributários ou regulatórios vão mudar, por isto entendo que devem ser aplicadas regras iguais para serviços iguais, caso contrário, haverá um incentivo para se abrir empresas fora do Brasil”, Amos Genish.

Para o advogado Floriano Marques de Azevedo, a Lei Geral dá a Anatel competência para alterar as regras da concessão. Debate sobre o tema polariza painel de abertura do 59º Painel Telebrasil. Amos Genish, presidente da Telefônica Vivo, disse esperar que a Anatel mude de posição e Bayard Gontijo, presidente da Oi, afirmou que qualquer que seja o caminho, a mudança da concessão tem que ser urgente, pois suas obrigações oneram as concessionárias com exigências que não beneficiam mais a sociedade e tiram investimentos em serviços de que a população necessita, como banda larga.

O presidente da Telefônica Vivo, Amos Genish, descartou ainda qualquer interesse em uma possível compra da SKY, se ela estivesse à venda pela AT&T

A reestruturação da operadora, com a compra da GVT, será submetida à Assembleia Geral Extraordinária, que deve acontecer no dia 28 de maio. No mesmo dia, o Conselho Administrativo elegerá a nova diretoria da Telefônica Vivo.

A Oi divulgou comunicado nesta quinta-feira (9) informando que, até esta data não há conversas ou negociações com o presidente da GVT, Amos Genish, com relação ao cargo de diretor presidente da prestadora. Mas não descartou essa possibilidade. “A companhia manterá seus acionistas e o mercado informados com relação a quaisquer eventos relevantes relacionados aos …

Mas executivo disse que não há ainda essa definição. Também não quis comentar as especulações de que Amos poderia ocupar a presidência da Oi, substituindo Zeinal Bava