Suprema Corte do México derruba decisão de regulador sobre interconexão


Nova regulamentação terá impacto significativo na América Móvil

A América Móvil ganhou um importante tento esta semana no México. A Suprema Corte mexicana decidiu a favor de sua operadora de celular, a Telcel, e contra decisão da agência reguladora ITF (Instituto Federal de Telecomunicações) que, em 2015, havia estabelecido tarifas de interconexão diferenciadas a serem  pagas por esse grupo às demais operadoras de telecomunicações do país.

Conforme as agências internacionais, a justiça mandou mudar o valor da interconexão dos meses de agosto a dezembro de 2015, metade do que foi pago pela empresa de Carlos Slim, o homem mais rico do mundo.

A medida deverá repercutir sobre todas as operadoras, mas o questionamento inicial do grupo era quanto ao pagamento para o grupo Telefónica. (com o site Convergencia Latina).

Anterior Hispasat desliga o satélite Amazonas 1
Próximos App mobile do BB já liberou meio bilhão em crédito para carro