Smartphone 4G de até R$ 1,5 mil terá redução de impostos


O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, disse nesta sexta-feira (25) que a desoneração para smartphone 4G beneficiará a aparelhos de até R$ 1,5 mil, enquanto que os terminais 3G isentos serão os que custam até R$ 1 mil. Os novos valores já foram apresentadas à presidente Dilma Rousseff e ele espera que atenda a reivindicação do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, que queria isentar celulares de até R$ 2,5 mil.

Para o ministro, a nova margem vai atender os aparelhos 4G, o Razr da Motorola e o Galaxy da Samsung. “Mas o iPhone da Apple, a fabricante precisa primeiro resolver a questão do aparelho 4G na frequência usada no Brasil”, disse. No caso dos aparelhos 3G, Bernardo disse que os aparelhos à  venda estão dentro da faixa proposta.

Bernardo acredita que o decreto com a isenção do PIS/Cofins dos smartphones saia agora. “ A presidenta disse que vai fazer e que vai chamar o ministro da Fazenda para saber onde está pegando. No ano passado, a desoneração não saiu por causa da questão fiscal”, disse.

 

Anterior Samsung confirma lucro recorde, mas alerta para redução das vendas em 2013
Próximos Fiscalização da rede 4G começará no 1º dia útil de maio