Sindicato questiona Atento e promete manifestações


O Sindicato dos Trabalhadores de Telecomunicações no Estado de São Paulo (Sintetel-SP) divulgou nesta segunda-feira (10) uma lista de reclamações e exigência de mudanças na Atento, empresa de call center da Telefónica, e informou que “se não houver atuação emergencial, fará manifestações e ações sindicais com mobilização dos trabalhadores”.

O sindicato questionou o modelo de remuneração variável da empresa, cobrou padronização e divulgação do mesmo e exigiu possibilidade de acompanhamento dos resultados pelos trabalhadores a cada dez dias. Segundo o Sintetel, a Atento solucuionará problemas e enviará uma resposta oficial à entidade de classe.

O questionamento de atestados médicos entregues pelos trabalhadores aos profissionais da saúde da Atento, a exigência de aviso prévio por conta do empregado, preços abusivos praticados nas máquinas de lanches e a alteração do horário de trabalho após a contratação também foram pontos destacados pelo sindicato como práticas a serem revistas pela empresa de call center. (Da redação, com assessoria de imprensa)

Anterior Um ano de lei do SeAC e Anatel vai abrir Pado contra operadoras controladas por radiodifusores
Próximos Número de redes LTE chega a 100