Siemens fora da joint com a Nokia?


A empresa alemã não quis se pronunciar sobre especulações que circularam no último fim de semana na imprensa do país, e segundo as quais ela poderia vender sua participação de 50% na joint venture Nokia Siemens Networks, cujas operações começaram em 1º de abril deste ano. Os boatos teriam origem, segundo a revista WirtschaftsWoche, na …

A empresa alemã não quis se pronunciar sobre especulações que circularam no último fim de semana na imprensa do país, e segundo as quais ela poderia vender sua participação de 50% na joint venture Nokia Siemens Networks, cujas operações começaram em 1º de abril deste ano. Os boatos teriam origem, segundo a revista WirtschaftsWoche, na possibilidade de o novo CEO da Siemens, Peter Löscher, estar avaliando a venda de vários ativos não-estratégicos, entre eles a participação na joint. E as especulações começaram a correr com o anúncio da saída de Löscher da diretoria da Nokia-Siemens, posição que assumiu quando se tornou CEO em julho último. (Da Redação, com noticiário internacional)

Anterior Vivo vai comprar licença nacional de 3G mas alerta para o risco do negócio
Próximos Fixas querem isenção de impostos para rede nacional de dados