Setor de telecomunicações cresce 15,8% no semestre chegando a 287 milhões de acessos


O Brasil encerrou o primeiro semestre de 2011 com 287 milhões de acessos dos serviços de telecomunicações, de acordo com balanço da Telebrasil (Associação Brasileira de Telecomunicações), esse desempenho representa um crescimento de 15,8% em relação a junho de 2010, quando havia no País 247,7 milhões de clientes.

Segundo a entidade, de janeiro a junho deste ano, mais de 18,3 milhões de novos acessos foram ativados em todos os serviços, o que representa uma adição de aproximadamente 102 mil novos clientes por dia. O número total de acessos de telecomunicações já ultrapassou em muito a população brasileira, registrando uma densidade de 147,3%, o que quer dizer que para cada grupo de dez pessoas há cerca de 15 acessos.

A telefonia móvel foi o setor com o melhor desempenho em números absolutos, ultrapassando 217 milhões de celulares. Desde junho de 2010, o total de aparelhos móveis em operação subiu 17,4%, período em que foram adicionados à base 32,2 milhões de novos celulares. A telefonia fixa fechou o primeiro semestre com 42,6 milhões de acessos, registrando crescimento de 2,1% em relação a junho de 2010.

Já os serviços de banda larga apresentam um crescimento de 55% no período de 12 meses. Os acessos à internet rápida pelas redes fixas e móveis ultrapassaram 43,7 milhões no fim do semestre e já chegaram a 45,7 milhões em julho. Considerando os números do semestre, a evolução da banda larga móvel – incluindo os modems de acesso à internet e os celulares de terceira geração (3G) – foi de 77,1%, passando de 15,8 milhões em junho de 2010 para 27,9 milhões em junho deste ano. A banda larga fixa, por sua vez, apresentou uma ampliação de 27% no período, subindo de 12,4 milhões para 15,8 milhões.

Enquanto o setor de TV por assinatura fechou o semestre com 11,1 milhões de assinantes, o que representa um crescimento de 31,8% no período de 12 meses. Em junho do ano passado havia no País 8,4 milhões de clientes dos serviços de televisão paga e desde então 2,7 milhões de novos acessos foram ativados.(Da redação, com assessoria de imprensa)

Anterior Promoção da TIM oferece internet ilimitada gratuita a usuários de BlackBerry
Próximos PGMC: inconstitucionalidade versus celeridade