Serviço de IPTV da Telefônica/Vivo será lançado no segundo semestre


A Telefônica/Vivo deve lançar seu serviço de IPTV – em que a transmissão do sinal de TV paga, incluindo conteúdos on demand, é feita pela internet – no segundo semestre de 2012 aqui no Brasil, e a estratégia da empresa é usar o novo serviço para alavancar as contratações de fiber-to-the-home (FTTH). “O serviço de fibra deve crescer mais após lançarmos o IPTV no segundo semestre”, disse o diretor-geral da operadora, Paulo César Teixeira, durante teleconferência sobre os resultados da companhia, nesta quinta-feira (16).

 

O serviço de IPTV já é disponibilizado pela Telefónica na Espanha e será lançado no próximo mês no Chile, usando a mesma plataforma Mediaroom, da Microsoft. No Brasil, a operadora chegou a anunciar a plataforma, mas não indicou um prazo para o lançamento do produto.

 

Ao longo de 2011, a Telefônica/Vivo duplicou sua rede de fibra óptica no estado de São Paulo para 6 mil quilômetros, passando por mais de 1,7 milhão de domicílios em 15 municípios. A empresa fechou o ano com um total de 50 mil clientes com fibra dentro da residência ou empresa, e pretende aumentar o marketing nos serviços Fibra Banda Larga e Fibra TV este ano, segundo afirmou o executivo.

 

Dados também serão o foco da companhia na telefonia móvel após um ano positivo em 2011, quando o número de acessos com planos ou pacotes de dados mais que duplicou. No acumulado do ano, a receita da Telefônica/Vivo com internet móvel cresceu 35% e a operadora quer ampliar isso em 2012, com um foco maior na venda de smartphones e feature phones, aparelhos mais básicos que também permitem o acesso a internet, e em aplicativos e serviços de música e games para impulsionar a contratação de pacotes de dados.

Anterior TIM pode deixar de participar do leilão da 4G
Próximos Senado prorroga MP que isenta tablets