Serpro quer identificar empresas que usam Curb Trenching para implantar rede


O Serpro abriu consulta pública com o objetivo de identificar no mercado brasileiro, empresas que possuam domínio metodológico, profissionais capacitados e maquinário necessário para implantação de redes ópticas utilizando o método de Curb Trenching, ou seja, que nos permita conhecer esse novo método para implantação de dutos em áreas urbanas extremamente ocupadas. As sugestões podem ser enviadas até o dia 3 de março.

Segundo a empresa, Curb Trenching que em tradução livre significa “Trincheira de meio-fio”, ainda não é um modelo popular o que representa sem dúvidas uma tecnologia inovadora no Brasil. A tecnologia fornece a mais rápida e eficiente maneira para implantação do cabo de fibra óptica de forma subterrânea cortando o asfalto ou o concreto com notável velocidade, precisão e economicidade.

Este tipo de microescavação corta apenas a suficiente, e não mais (entre 2,50 cm (1 polegada) e 13 cm (5 polegadas) de largura e até 50 cm (20 polegadas) de profundidade). É uma metodologia que sistematiza o processo usando novas técnicas e materiais. Ele permite a instalação em uma profundidade menor, causando menos danos aos ativos de rua (concreto ou asfalto), reduzindo assim o custo de reconstituição da originalidade das vias. Este método utiliza uma potente motosserra, montada. É possível passar cabos na estrada, na calçada (ao lado da calha) e até mesmo no concreto.

Os interessados podem obter a documentação no Serpro. Questionamentos e sugestões deverão ser enviados para os e-mails moises.seabra@serpro.gov.br ou leandro.bittencourt@serpro.gov.br.

Anterior Ericsson cancela ida ao MWC 2020 em função do surto do novo coronavírus
Próximos Custo de implantação de 5G aumenta até 29% se houver restrição de fornecedor, diz Huawei