Senacon apura denúncia de violação de privacidade pela Google Brasil


A Google Brasil está na mira da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon). O órgão do Ministério da Justiça e Segurança Pública instaurou processo administrativo contra a empresa por supostas violações de privacidade, após receber denúncia do Ministério Público Federal. O Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDC) publicou a decisão nesta quarta-feira (6) no Diário Oficial da União. Se condenada, a Google Brasil poderá ser multada em até R$ 9,7 milhões.

Segundo do DPDC, existem indícios de violação à privacidade dos consumidores na análise do conteúdo dos e-mails pessoais, enviados por meio do Gmail, sem o consentimento expresso do usuário. O processo vai apurar se houve, realmente, violação a dispositivos do Marco Civil da Internet e do Código de Defesa do Consumidor.

A Google Brasil será intimada para apresentar defesa administrativa.(Com assessoria de imprensa)

Anterior Alcolumbre defende o uso do Fust para ampliar serviços privados de telecom
Próximos Anatel prorroga por apenas 5 anos licença da frequência de 1,9 GHz da Claro