Seaborn construirá cabo submarino entre EUA e Brasil para Alcatel-Lucent


Cabo oferecerá comunicação de baixa latência por meio de 10,4 mil km conectando diretamente São Paulo a Nova York. Há previsão de mais quatro cabos na América Latina

A Seaborn Networks assinou um contrato de modalidade turn key com a Alcatel-Lucent para construir o Seabras-1, novo sistema de cabo submarino de 10,7 mil km que oferecerá uma via direta entre Nova York e São Paulo, no Brasil, com ramificaçào em Fortaleza (CE). As empresas já iniciaram o processo para obter permissão para implantação e os trabalhos de levantamento marinho para o projeto. 

De acordo com Jonio Foigel, presidente da Alcatel-Lucent no Brasil e e líder de serviços para América Latina e Caribe, a empresa planeja a construção de outros quatro cabos submarinos na região. 

O sistema de 100 Gigabits por segundo Seabras-1 suportará ampla variedade de serviços ao consumidor e de banda larga empresarial e dará nova capacidade sobre a via promária para a maioria do tráfego da internet, dados e de voz para América do Sul e restante do mundo. 

“O Seabras-1 será a primeira via direta entre Nova York e São Paulo e também a maior ligação transoceânica de 100 G até hoje. Assim que for implementado, ele contribuirá com outras iniciativas em andamento para aprimorar a conectividade transcontinental, para benefício do consumidor global e da comunidade empresarial”, disse Philippe Dumont, presidente da Alcatel-Lucent Submarine Networks. 
(Da redação

Anterior Portugal Telecom constroi mega data center
Próximos Oi escolhe Alcatel-Lucent, Ericsson e Nokia Siemens para rede 4G