Os quatro satélites O3b lançados pela operadora de satélites SES em março alcançaram sua posição orbital e passaram a operar em 1º de junho. Estas unidades passam a compor a constelação de 12 satélites que já estão em operação.

Orbitando a 8 mil km da Terra, os satélites de banda Ka giram quatro vezes ao redor do planeta todos os dias. Cobrem 40 países. A capacidade adicional será usada pela SES para atender à demanda de banda larga nos mercados de telecomunicações, cloud, marítimo, energia e governo.

Segundo as empresas, a tecnologia O3b oferece conectividade de baixa latência semelhante à fibra, o que viabiliza o acesso à internet, inclusive em áreas remotas. Os satélites O3b estão a aproximadamente um quarto de distância da Terra, em comparação aos satélites geoestacionários tradicionais. A altitude mais baixa reduz o tempo que os dados levam para percorrer uma rede, melhorando a qualidade de transmissão de voz e vídeo. (Com assessoria de imprensa)